Extensão à Distância - Educação- 240 horas

    DEFICIÊNCIAS MÚLTIPLAS

    A deficiência múltipla é a ocorrência de duas ou mais deficiências simultaneamente - sejam deficiências intelectuais, físicas ou ambas combinadas. As causas podem ser pré-natais, por má-formação congênita e por infecções virais como rubéola ou doenças sexualmente transmissíveis, que também podem causar deficiência múltipla em indivíduos adultos, se não tratadas.

    EDUCAÇÃO INFANTIL: BRINCAR É COISA SÉRIA

    A invenção da infância - Concepções contemporâneas sobre o desenvolvimento infantil - A importância do brincar - Instrumentos e estratégias para a criação de ambientes lúdicos adequado.

    DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM

    Dificuldade de aprendizagem é uma expressão que se refere a um grupo heterogêneo de distúrbios manifestados por dificuldades intensas na aquisição e utilização da compreensão auditiva, da fala, da leitura, da escrita e do raciocínio matemático.

    INCLUSÃO DE CRIANÇAS COM SÍNDROME DE DOWN NO ENSINO FUNDAMENTAL

    O estudo teve como objetivo buscar evidências na Literatura acerca da Inclusão de Crianças com Síndrome de Down na rede regular de Ensino.

     

    ÁREAS DE TRABALHO E CURRÍCULO EM EDUCAÇÃO INFANTIL

    • O currículo em Educação Infantil
    • Corpo e movimento
    • Música
    • Artes visuais
    • Linguagem oral e escrita
    • Natureza e sociedade

    GESTÃO DA EDUCAÇÃO INFANTIL

    O curso de Gestão da Educação Infantil pretende mostrar alguns princípios teóricos para o entendimento de crianças de 0-6 anos na instituição de Educação Infantil, acerca de uma educação de qualidade, realmente preocupada com a formação integral da criança enquanto protagonista dos processos de ensino e aprendizagem.

     

    ESTÍMULOS SENSORIAIS E A APRENDIZAGEM

    Crianças (e adultos) aprendem melhor quando as informações são processadas por mais de um dos sentidos ao mesmo tempo. Prova disso é que as lembranças favoritas de infância frequentemente estão associadas a um aroma, som ou sabor... Quando sentimos um cheiro ou ouvimos uma música familiar, é como se aquela sensação nos transportasse de volta ao passado. O cérebro é capaz de recuperar imagens e sensações a partir de um estímulo dos sentidos.

     

    PEDAGOGIA HOSPITALAR

    O objetivo desse curso é ensinar sobre as atividades e aprendizagem desenvolvidas em ambiente hospitalar para crianças e jovens em idade escolar que se encontram hospitalizados. Temas como o atendimento pedagógico, a integração com a escola e a elaboração de projetos também serão abordados.


    GESTÃO ESCOLAR: ADMINISTRAÇÃO E SUPERVISÃO

    Analisar os princípios da gestão educacional, buscando compreender a ação gestora, equipe escolar, órgãos colegiados; e Compreender como deve ser realizado o trabalho de organização e supervisão escolar.

     

    CURRÍCULO ADAPTADO PARA ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS

    O currículo adaptado para alunos com necessidades educativas especiais, ao contrário de um currículo funcional, é aquele que visa adaptar o currículo acadêmico para os alunos que, por suas condições cognitivas, físicas e sensoriais, não demonstram condições de acompanhar o currículo regular.

    PRÁTICAS DE SUSTENTABILIDADE

    Em todos os setores, seja no meio ambiente, na economia, educação ou administração pública, todo mundo cita o termo sustentabilidade. E o que significa sustentabilidade? O que é ser sustentável? Teoricamente o termo “sustentável” tem origem do Latim: “sustentare”, que significa sustentar, favorecer e conservar.

    DIDÁTICA DO ENSINO SUPERIOR

    Este curso apresenta conteúdo sobre os Métodos de Ensino para o Nível Superior. Aborda suas peculiaridades e o dinamismo para tornar o aprendizado mais eficiente e produtivo dentro da Sociedade Contemporânea.

     


     

    SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO

    A sexualidade diz respeito ao ser humano. E, portanto, está presente e se desenvolve na escola, por meio das relações entre professor e aluno e entre os próprios alunos. Isso fica claro no jeito de os alunos serem homens e mulheres, nas suas curiosidades e dúvidas, mas também, nas suas preocupações com a normalidade física, a autoestima e a aprendizagem da prevenção e fatores de riscos de gravidez e DST/Aids.

    ENSINO RELIGIOSO PARA O ENSINO FUNDAMENTAL

    Este curso reflete sobre questões do Ensino Religioso como disciplina escolar; seus aspectos, suas influências e seus reflexos na sociedade.

     

    EDUCAÇÃO MATEMÁTICA

    Perceber a necessidade de se quebrar o paradigma vigente da matemática, onde se esbanjava rigorosidade, foco exclusivo em memorização de fórmulas, cálculos descontextualizados e punição para os discentes nas avaliações. Assim, nesse cenário de carência de reforma do ensino da matemática e do melhoramento da aprendizagem discente, surgiu a Educação Matemática.

     

    NEUROPSICOLOGIA

    Relação entre funcionamento cerebral e comportamento. Estudo das funções neuropsicológicas. Introdução aos princípios da avaliação e reabilitação neuropsicológica.

     

    CULTURA RELIGIOSA

    O fenômeno religioso, sua importância e implicações na formação do ser humano e da sociedade. As principais religiões universais: história e cultura. O Cristianismo: origem, expansão e princípios fundamentais. O cenário religioso brasileiro: principais correntes, movimentos e tendências. Religião e interdisciplinaridade: aspectos antropológicos, sociais, filosóficos, psicológicos. Reflexão crítica dos valores humanos, sociais, éticos e espirituais. Perspectiva global da visão cristã de ser humano e de mundo.

     

     

    A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA PARA O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

    Um desenvolvimento cerebral saudável, dizem os especialistas, precisa de estímulo e proteção: as experiência no começo da vida formam a base para todo o desenvolvimento posterior.

     

    LICENCIAMENTO AMBIENTAL

    O curso tem por objetivo levar o participante a conhecer os aspetos do licenciamento ambiental e sua importância na gestão das questões ambientais das organizações.

    Ética na gestão das questões ambientais; Aspectos do licenciamento ambiental; Empreendimentos e atividades que precisam desenvolver o licenciamento ambiental; Competências dos órgãos ambientais para o licenciamento; Tipos de licença ambiental; Regularização de empreendimentos não licenciados; O procedimento para o licenciamento; Prazos para análise de propostas; Os estudos ambientais; Conteúdo de um estudo ambiental.

    GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS

    É uma oportunidade de aprender a atuar profissionalmente diante da nova perspectiva global de modelos de negócios sustentáveis. Você será preparado para planejar e atuar estrategicamente na gestão ambiental empresarial, com foco na gestão de resíduos sólidos.

    PRÁTICAS PEDAGÓGICAS E DESEMPENHO ESCOLAR DE CRIANÇAS EM PROCESSO DE ALFABETIZAÇ

    Investiga-se a relação entre diferentes práticas pedagógicas e o desempenho escolar nas habilidades de leitura, escrita e compreensão de crianças em processo de alfabetização.

     

    NEUROAPRENDIZAGEM E EDUCAÇÃO

    Apresentar as interfaces entre pedagogia, neurociências e psicologia em uma visão interdisciplinar e transdisciplinar. Possibilitando assim, ações de avaliação compreensiva e diagnóstica das situações e fatores que produzem bloqueios, resistências e inibições intelectuais.

     

    ARTETERAPIA

    Ensinar sobre a filosofia e conceito da arteterapia e sua aplicação com crianças, idosos, adolescentes, entre outros pontos. Além disso, aprenderá sobre o arteterapeuta e as oficinas de arteterapia.

     

    DOENÇAS NEURODEGENERATIVAS NA INFÂNCIA

    Distúrbios Neurológicos; Crises Convulsivas; Meningo-encefalites; Sinais clínicos e Tumores Cerebrais.

     

    METODOLOGIA DO ENSINO RELIGIOSO

    Educação e Ensino Religioso; Educar: Tarefa da família com a colaboração da escola e da sociedade; Educar com valores; Modelos de Ensino Religioso; Confessional; Interconfessional; Supraconfessional; Disciplina curricular; Analogias e contestações entre: Evangelização, Catequese, Educação e Ensino Religioso; Os quatro pilares da Educação; Aprender e conhecer; Aprender a fazer; Aprender a viver juntos/aprender a viver com os outros; Aprender a ser; O papel da escola; Ensino Religioso nos estabelecimentos de ensino; O convívio escolar; O ensino religioso no Currículo Escolar; Critérios que orientam a prática do Ensino Religioso; A raiz do fenômeno religioso; Razão de Ser do Ensino Religioso: Conhecimento e Diálogo; Objetivos Gerais do Ensino Religioso para o Ensino Fundamental; Eixo de conteúdos; Culturas e tradições religiosoas; Escrituras sagradas e/ou tradições orais; Teologias.

     

    PSICOLOGIA APLICADA À EDUCAÇÃO INFANTIL

    O curso de Psicologia Aplicada à Educação Infantil objetiva aprofundar conhecimentos relacionados ao estudo da inteligência e do desenvolvimento psicossocial do ser humano, nas fases iniciais, como a de construção do aparelho psíquico. O programa de qualificação profissional tem como pilar os estudos de cientistas consagrados, como Freud, Wallon, Gardner, Vygotsky e Sternberg.

    A CRIATIVIDADE E SUA IMPORTÂNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

    O pleno e livre exercício da criatividade no universo escolar se constitui em elemento indispensável ao desenvolvimento do processo educativo. Ao estimularmos experiências de criatividade, passamos a fomentar o desenvolvimento de novas relações e descobertas individuais. É certo que a criatividade se manifesta na relação do indivíduo com o seu ambiente.

     

    O CÉREBRO E SUA RELAÇÃO COM A APRENDIZAGEM

    O processo de aprendizagem é bastante complexo. Em certos casos, há distúrbios que requerem estudos e avaliações, a serem conduzidas por profissionais qualificados, visando detectar a ocorrência de tais casos, que podem ou não se configurarem como anomalias. Nesse vasto universo, o cérebro desempenha papel relevante no sentido de que comanda as áreas de interação mais significantes.

    NOVOS LETRAMENTOS E AS PRÁTICAS DE LINGUAGEM NA ESCOLA

    Possibilitar que professores e gestores da educação básica possam refletir sobre as práticas de linguagem contemporâneas que remetem aos novos letramentos, de forma a compreenderem suas configurações, suas práticas constitutivas – sobretudo, curadoria e remixagem –, sua natureza colaborativa e participativa, sua vinculação com as culturas juvenis, o hibridismo de papeis que envolvem (autor/leitor, espectador/produtor) e as decorrências que colocam para a escola, em especial, para o ensino-aprendizagem de língua.

     

    EDUCAÇÃO AMBIENTAL INFANTIL: DINÂMICAS PARA AULAS PRÁTICAS

    Neste curso vamos listar práticas para aulas de educação ambiental voltada a crianças com até 10 anos de idade. Abordaremos conceitos, metodologias e, por fim, sugestões para dinâmicas aplicáveis em sala de aula e também em ambientes externos.

    POLÍTICAS EDUCACIONAIS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

    O propósito deste curso foi estudar o processo de criação e implementação da política educacional de formação de professores para a educação básica através da educação superior a distância. Investigou-se sobre a contextualização histórica e geográfica da educação a distância no Brasil e no mundo; o processo de mudanças tanto nas políticas públicas como na legislação educacional, que levou à formulação de programas e sistemas institucionais de ensino superior como a Universidade Aberta do Brasil e o Programa de Formação Inicial de Professores do Ensino Fundamental e Médio (Pró-Licenciatura), direcionados para a formação de professores a partir do uso de sistemas técnicos em rede.

    NEUROCIÊNCIA, EDUCAÇÃO E PRÁTICAS PEDAGÓGICAS EFICIENTES

    As estratégias pedagógicas promovidas no processo ensino-aprendizagem, aliadas às experiências de vida às quais o indivíduo é exposto, desencadeiam o processo conhecido como NEUROPLASTICIDADE, modificando a estrutura cerebral de quem aprende. Essas modificações possibilitam o aparecimento dos novos comportamentos, adquiridos no processo de aprendizagem. Surgem então algumas perguntas como: qual seria a real contribuição das neurociências para a educação? O conhecimento do funcionamento do cérebro pode contribuir para o processo ensino-aprendizagem mediado pelo educador? Nasceu daí um diálogo, uma interface entre as neurociências e a educação que tem crescido ao longo dos últimos anos.

    PSICOFARMACOLOGIA ESCOLAR

    Psicofarmacologia: conceitos básicos, campo de estudo e métodos de investigação.

    Estudo das interações entre bioquímica, farmacologia e psicopatologia.

    Estudos experimentais e clínicos dos principais agentes psicofarmacológicos.

     

    BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS – A LUDICIDADE COMO FERRAMENTA DE DESENVOLVIMENTO

    A Atividade lúdica, representada por jogos e brincadeiras, pode desenvolver o aprendizado da criança dentro da sala de aula: o lúdico se apresenta como uma ferramenta de ensino para o desempenho e desenvolvimento integral dos alunos. O jogo na escola traz benefícios a todas as crianças, proporcionando momentos únicos de alegria, diversão, comprometimento com o aprender e responsabilidade. A ludicidade é uma necessidade na vida do ser humano em todas as idades; e não deve ser vista apenas como diversão ou momentos de prazer, mas momentos de desenvolver a criatividade, a socialização com o próximo, o raciocínio, a coordenação motora, os domínios cognitivos, afetivos e psicomotores.